Você sabe quem é a sua marca?

Você sabe quem é a sua marca?

Para ter uma empresa, em teoria, só é necessário um CNPJ, certo? Mas é claro que não é tão simples como aparenta. Abrir uma empresa é a parte, apesar de burocrática, mais fácil de todo o processo. O que realmente pode decidir o sucesso da sua empresa é saber exatamente “quem” ela é.

Nossa, mas a empresa não é alguém para que eu saiba quem ela é. Pelo contrário, a sua empresa precisa sim ter uma personalidade, e isso não é construído da noite para o dia. E muito menos se resume a um logo ou uma frase de efeito. 

Quando falamos em “Tem 1001 utilidades” você já sabe de que empresa está se referindo, certo? Se você for um pouco mais novo, podemos dar outro exemplo. “Just do it”, esse você deve conhecer. E tudo isso porque essas empresas focaram em sua marca.

Mas afinal de contas, o que é uma marca?

O conceito correto de marca vai muito além de ter um logo. A marca da sua empresa precisa ditar toda a sua essência. É definir tudo no que a empresa é baseada: cultura, propósito, valores, e traduzir isso para o cliente.

As experiências que o seu cliente terá com a sua empresa, também ditarão como é a sua marca. Essa questão não é possível ser controlada e por isso você precisa trabalhar da melhor forma o que a sua empresa é, para que as pessoas entendam e vivam tudo que foi planejado. E para ajudar nesse planejamento é onde entra o branding.

Necessidade de marca, aliada ao branding

O branding, diferente do que pode parecer, se difere da marca pois ele é algo um pouco mais abrangente. Uma vez que a marca é definida, o branding vem como uma estratégia que garantirá a implementação da marca de forma correta e com ganhos duradouros. É com o branding que toda a parte visual, contextual de marca será colocada em ação e planejada para funcionar como planejado. 

Por onde começar…

Mas para criar sua marca,existem alguns pontos principais para serem definidos, e o primeiro é:

  • Saber quem é a sua marca: Isso mesmo, você precisa ter em mente qual é o propósito da sua empresa, quais são seus valores?
  • Depois de saber quem a sua empresa é, você precisará definir qual será a sua identidade. O que você transmitirá aos seus clientes? É através disso que ele entenderá como a sua empresa é,e se ele se identifica com ela. 
  • E por fim é preciso pensar como garantir que a minha identidade será promovida e conhecida pelo maior número de consumidores. 

Ufaa! Muita coisa, né? É, criar uma marca não é algo muito fácil, mas é o primeiro passo para garantir uma jornada de sucesso e satisfação, para você e seus clientes. Com tudo isso, você acha que a sua empresa não tem uma marca forte? Então aqui vão algumas dicas para mudar isso: 

  1. Pense nas suas bases:defina quais são os valores, o propósito, atributos e posicionamento da sua empresa. Sabendo claramente esses pontos, você já terá uma visão melhor do que precisa transmitir ao seu cliente. 
  2. Cuide da sua marca: crie uma imagem visual para a sua marca, que seja coerente com as bases que você acabou de criar. E principalmente, seja fiel a ela. Construa essa imagem, e assim ela será reconhecida. 
  3. Faça sempre a manutenção: Criar todos esses conceitos não valerão de nada se você não ficar atento ao que a sua marca está sinalizando. Esteja atento a como a sua marca está sendo recebida, olha para os concorrentes e olhe para os problemas que estão dentro da empresa,isso também é essencial. 

E então, que tal começar a pensar em sua marca e garantir que seus clientes se identifiquem e amem quem a sua empresa é? 

COMPARTILHE
Share on facebook
Share on email
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on google
Share on linkedin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *